Planeta Marvel Lê Gibi: A Teia do Homem-Aranha Superior #3 (Editora Panini)

Li A Teia do Homem-Aranha Superior #3, lançado pela Panini.

Sinopse:

Ao se envolver com um chefe do crime local, Flash Thompson – ou melhor, o agente Venom – causa tantos problemas que acaba sendo perseguido por um verdadeiro exército de assassinos contratados, incluindo um antigo inimigo que ele julgava que estava preso; o insano Halloween! É o final bombástico do título do anti-herói simbionte, com participações surpresas! E ainda, Cletus Kasaday, o Carnificina, numa prisão comum, e com sua mente restaurada, algo que não é nada bom…

(Venom 37-42, Superior Carnage Annual 1)

Análise:

Venom 37: Venom está atrás do Lorde Ogro e descobre um dos esconderijos onde ficavam vários escravos para seu tráfico de humanos. O local era guardado por mercenários com super-poderes que surpreenderam Venom. Percebendo a necessidade de ajuda, Venom faz uma parceria com a repórter do Inquisidor, Kathy Kiernan.

Venom 38: Andi, uma das alunas de Flash descobre sua identidade e vai até seu apartamento falar diretamente com ele. Lá chegando, se depara com Halloween. Enquanto era perseguida, Venom surge para salvar a menina, mas não consegue evitar do vilão matar o pai de Andi.

Venom 39: Na tentativa de proteger Andi usando o simbionte, Flash transfere não somente uma parte do Venom, mas seus poderes também. Agora, aluna e professor perseguem Halloween. Mas, Andi conseguirá manter sua integridade?

Venom 40: Enquanto Venom vai ao Texas para investigar a suposta morte de Daimon Hellstrom, Andi fica na Filadélfia e procura o responsável pela morte de seu pai, o Lorde Ogro. Agora, ela se autodenomia – Mania.

Venom 41: Flash descobre que a Marca do Demônio que carregava foi passada para Andi. O simbionte explica que foi uma maneira de extirpar a marca de seu atual hospedeiro. Mas para eliminar a Marca da jovem, será preciso fazer um pacto com o diabo.

Venom 42: Venom e Mania tem de lidar com Ossos Cruzados e um exército de mercenários enviados pelo Lorde Ogro. Ao mesmo tempo, Flash obriga Mefisto a apagar a Marca do Demônio de Andi, essa sim. Uma tarefa bem mais complicada.

Carnificina Anual 1: Cletus Kasady está preso na Penitenciária de Nova Jersey, e corre perigo de vida. Enquanto isso, o simbionte Carnificina deixa um rastro de sangue, pulando de corpos em corpos a fim de retornar a seu hospedeiro original.

Por Roger

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s